Conheça o INSEA 2: potente bloqueador de carboidrato com ação dupla



Os carboidratos são um dos três principais macronutrientes presentes nos alimentos, juntamente com proteína e gordura. Essas moléculas contêm átomos de carbono, hidrogênio e oxigênio e desempenham um papel importante no corpo humano, podendo atuar como fonte de energia, ajudar a controlar a glicose no sangue e o metabolismo da insulina, participar do metabolismo de colesterol e triglicerídeos e ajudar na fermentação na microbiota intestinal. Após o processo de digestão, o excesso de carboidratos na circulação sanguínea irá elevar ao aumento da glicemia, e parte dessas moléculas serão direcionadas para o armazenamento hepático e muscular.


A hiperglicemia frequente não é algo benéfico para o metabolismo pois pode causar prejuízo na sensibilidade a insulina e desencadear doenças cardiovasculares. No entanto, existem inúmeros alimentos que são ricos em carboidratos, como por exemplo o chocolate, açúcar, alimentos industrializados, refrigerantes, pães brancos, entre outros. No que diz respeito a alimentos mais naturais podem ser citados o arroz branco, batata inglesa, mandioca e outros tubérculos e frutas.


Algumas condições clínicas como o diabetes mellitus por exemplo, não devem exagerar na ingestão de carboidratos para que não ocorra aumento expressivo da glicemia, e pensando nisso existem alguns componentes alimentares que podem auxiliar nessa redução, como é o caso da formulação do Insea 2.


O Insea 2 se trata de uma formulação com dois polifenóis associados, sendo eles o Ascophyllum nodosum e Fucus vesiculosus, que são padronizados em florotaninos. Esses dois componentes são capazes de bloquear a atividade das enzimas α-glucosidase e α-amilase, que atuam na digestão dos carboidratos quebrando as moléculas maiores em moléculas menores para serem absorvidas.


Sendo assim, a utilização dessa formulação pode auxiliar de forma significativa na redução da glicemia mesmo com a ingestão dos carboidratos, visto que impede a atividade de duas enzimas digestivas importantes desse processo, consequentemente também ocorrerá melhor controle da concentração de insulina e auxílio para o processo de emagrecimento, pois as alterações insulínicas podem dificultar a perda de peso. Além disso, os carboidratos não digeridos serão excretados através das fezes não promovendo danos à saúde do indivíduo.


Mas de modo geral, por conta dos elementos que compõe o Insea 2, esse formulado irá auxiliar na redução da glicemia, auxiliar no metabolismo fisiológico da glicose, diminuir os efeitos da ingestão de carboidratos pós prandial, reduzir o índice glicêmico dos alimentos, auxiliar na prevenção da diabetes mellitus tipo 2, modular a digestão e absorção de carboidratos e melhorar quadros de resistência à insulina.


Em relação a sua ingestão, a dosagem recomendada de Insea 2 é de 250 a 500mg, 30 minutos antes das refeições principais. Visto que os pães são alimentos muito consumidos nas refeições intermediárias em maior parte do mundo, uma pesquisa foi realizada para avaliar o potencial efeito do Insea 2 antes da ingestão de 2 fatias de pão branco (rico em amido). A avaliação foi feita durante 3 horas e a dosagem de Insea 2 foi de 500mg, 30 minutos antes da refeição. Como resultado foi possível observar um excelente controle glicêmico (- 48%) em comparação ao grupo placebo, insinuando que sua utilização para regulação da insulina pode ser muito eficiente.


Referências

Schmitt K, Simoneau G, Lemaire B, Lacan D. A double-blind, randomized placebo controlled clinical study demonstrates Cellulight® activity on cellulite. 2012.

Roy, M. C., Anguenot, R., Fillion, C., Beaulieu, M., Bérubé, J., & Richard, D. (2011). Effect of a commercially-available algal phlorotannins extract on digestive enzymes and carbohydrate absorption in vivo. Food research international, 44(9), 3026-3029.

Paradis, M. E., Couture, P., & Lamarche, B. (2011). A randomised crossover placebo-controlled trial investigating the effect of brown seaweed (Ascophyllum nodosum and Fucus vesiculosus) on postchallenge plasma glucose and insulin levels in men and women. Applied Physiology, Nutrition, and Metabolism, 36(6), 913-919.

Holesh JE, Aslam S, Martin A. Fisiologia, Carboidratos. In: StatPearls. StatPearls Publishing, Treasure Island (FL); 2020. PMID: 29083823.


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo