Novas formas farmacêuticas para a prática clínica



As modificações realizadas nas formas farmacêuticas ao longo da história tem relação com a necessidade de atender a uma terapia mais eficaz, segura e cômoda, além de garantir a precisão da dose. As formas farmacêuticas, como as cápsulas, comprimidos e injetáveis estão consolidados no mercado. Por outro lado, as novas descobertas científicas e tecnológicas, e com o melhoramento de materiais, levaram a modificações realizadas nas formas farmacêuticas ao longo do tempo.


Alguns exemplos dessas novas formas farmacêuticas são as gomas, os géis comestíveis, os pirulitos e os chocolates, são mais fáceis de serem administradas do que as clássicas cápsulas, por exemplo, tornando o tratamento farmacêutico mais eficiente. Os chocolates se encontram em uma forma farmacêutica muito utilizada para aumentar a adesão ao tratamento de crianças, adultos e idosos que gostam de chocolate. Os denominados “chocolates funcionais’’ podem proporcionar saciedade, são fontes de nutrientes, e tem sido usados para a perda de peso. Os iogurtes se apresentam como uma ótima aposta de fórmulas farmacêuticas diferenciadas, tornando a adesão de crianças e idosos mais fácil.

10 visualizações0 comentário