Própolis verde: 3 motivos para você incluir a própolis na sua dieta e melhorar a sua imunidade!


O aumento da atenção voltada para a medicina complementar fez com que crescesse também o interesse em vários produtos de origem natural que pudessem auxiliar na melhora da saúde e no tratamento de várias condições. Entre estes, os diferentes tipos de produtos advindos das abelhas vem ganhando foco especial.


A própolis é um produto resinoso que as abelhas produzem a partir de diferentes partes de plantas que encontram próximas às suas colméias, justamente para promover reparos necessários e proteger essas estruturas contra a infiltração de água e a entrada de microrganismos invasores. Porém, o seu uso desde tempos muito antigos e o estudo aprofundado do extrato de própolis propiciou o conhecimento de que esse produto também tem efeitos positivos para o ser humano. Entre as suas propriedades mais marcantes podemos destacar:


  • A atuação antimicrobiana (antibacteriana e antiviral), melhorando mecanismos de células que atuam matando microrganismos invasores;

  • O potencial anti inflamatório, que desperta interesse para o uso da própolis como adjuvante no tratamento de vários tipos de doenças, metabólicas ou não;

  • As atividades imunomoduladoras, que fizeram inclusive a fama do extrato de própolis aumentar em um período que a população percebeu a importância de fortalecer o seu sistema imune;

  • Propriedades antitumorais, responsáveis por inúmeros estudos - ainda iniciais - sobre o potencial de prevenir e auxiliar no tratamento do câncer

  • A característica antioxidante, fundamental para retardar o envelhecimento de estruturas corporais e celulares, garantindo maior eficiência de diversas funções do nosso organismo (inclusive da imunidade).


Existem diferentes tipos de coloração de própolis, e cada uma possui individualidades e potencialidades diferentes, com uma ou outra propriedade mais destacada. Além disso, aspectos como a espécie de abelha produtora, localização geográfica, tipo de vegetação local e a época do ano que é colhida podem alterar a composição dos componentes presentes na própolis, o que pode afetar diretamente suas propriedades biológicas, que dependem diretamente desses compostos.


A própolis verde constitui o extrato mais conhecido e a sua inclusão na dieta pode ser um importante aliado do fortalecimento imunológico. As funções anti inflamatórias e antioxidantes em si são extremamente fundamentais para garantir a integridade das células imunes, fazendo com que elas possam atuar de forma eficiente. Esses atributos se correlacionam ainda com o controle das respostas da imunidade, impedindo que aconteçam de forma descontrolada. Para além disso, a própolis verde pode potencializar ou inibir certos aspectos da resposta imune, o que justifica sua característica imunomoduladora.


Por exemplo, algumas células do sistema imune tem como mecanismo de ação eliminar de forma direta os microrganismos invasores. Essa atuação de certos tipos celulares é potencializada pelo extrato de própolis verde, o que justifica sua fama como composto antimicrobiano.


O uso desse extrato é seguro, não tóxico e não apresenta efeitos adversos quando utilizado de maneira adequada e nas doses recomendadas. Incluir a ingestão de própolis verde na rotina é uma forma de garantir mais saúde e propiciar um suporte adicional para o sistema imune, além de todos os outros benefícios advindos do seu uso.


REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Ripari, N., Sartori, A. A., da Silva Honorio, M., Conte, F. L., Tasca, K. I., Santiago, K. B., & Sforcin, J. M. (2021). Propolis antiviral and immunomodulatory activity: a review and perspectives for COVID-19 treatment. Journal of Pharmacy and Pharmacology, 73(3), 281–299. doi:10.1093/jpp/rgaa067


Fischer, G., Hübner, S. O., Vargas, G. D & Vidor, T. (2008). Imunomodulação pela própolis. Arq. Inst. Biol. 75 (2). doi: 10.1590/1808-1657v75p2472008


Lâmina Própolis Mais


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo