4 SUPLEMENTOS QUE AUMENTAM A FERTILIDADE

Atualizado: Jul 21

Quando falamos sobre infertilidade, diversos fatores relacionados ao estilo de vida estão diretamente envolvidos. Fatores como sobrepeso, obesidade, atividade esportiva intensa, consumo de álcool, entre diversos outros, podem impactar negativamente tanto os homens quanto as mulheres. A seguir, iremos abordar sobre algumas suplementações que podem ajudar e aumentar a fertilidade.



Testofen

O Testofen é um ativo 100% natural, que pode ser usado para controlar os níveis de testosterona livre no nosso organismo. Ele é extraído da semente do feno grego e é formado por glicosídeos de furostanol e saponinas esteroidais.


Ao regular os níveis séricos de testosterona, o Testofen é capaz de aumentar a síntese proteica, aumentar a lipólise, melhorar a libido e o desempenho sexual masculino, auxiliando na ereção e na frequência sexual.


As doses recomendadas são de 300 mg, e são recomendadas para homens que apresentam dificuldade sexual e fertilidade. Também, podem ser um auxiliar para atletas e esportistas que apresentam níveis reduzidos de testosterona.


Ácido Fólico

A suplementação de ácido fólico é bastante comum para auxiliar na melhora da infertilidade na mulher. Apesar do mecanismo de ação desta vitamina na infertilidade ser totalmente esclarecido, estudos mostraram que a utilização desta suplementação auxiliou nas taxas de fertilização.


Dessa forma, em casos de mulheres que não conseguem obter êxito na tentativa de engravidar, a utilização desta suplementação pode ser um importante aliado.


Zinco

O zinco é um metal que participa ativamente de inúmeras vias metabólicas que podem ser comprometidas caso haja uma deficiência dele no seu organismo. Uma das vias que podem ser prejudicadas atua na fertilidade e pode impedir a gravidez caso não seja corrigida a deficiência.


Portanto, a suplementação do zinco pode ser de grande valor em casos, visto que os estudos mostram que a sua suplementação é capaz de melhorar o estado nutricional do paciente. Dessa forma, a suplementação é capaz de auxiliar nas taxas de fertilidade das mulheres e homens.


Omega-3

Enquanto as gorduras saturadas estão associadas a uma menor taxa de fertilidade, o consumo adequado e a suplementação de ômega-3 é capaz de promover o efeito oposto.


Alguns estudos mostraram que o consumo de ácidos graxos poliinsaturados pode melhorar a implantação do embrião. Consequentemente, as fertilidade nas mulheres.


Sendo assim, a suplementação de ômega-3 é outra estratégia nutricional que pode impactar diretamente na saúde fértil da mulher e melhorar as suas chances de engravidar.


Referências

Ferreira, L., G.; Maia, F., A.; Caperuto, É., C.; Romero,G., F. Bases moleculares das ações da testosterona, hormônio do crescimento e IGF-I sobre a hipertrofia muscular esquelética e respostas ao treinamento de força. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte. 2013.

Rao, A.; Steels, E. A double-blind,randomised, placebo-controlled study to evaluate the effect of na orally-dosed herbal formulation, Testofen, on symptoms of Andropause and sérum testosterone levels in otherwise healthy males aged between 45-75 years. 2015

MAFRA, Denise; COZZOLINO, Sílvia Maria Franciscato. Importância do zinco na nutrição humana. Revista de Nutrição, v. 17, n. 1, p. 79-87, 2004.

GASKINS, Audrey J.; CHAVARRO, Jorge E.. Diet and fertility: a review. American Journal Of Obstetrics And Gynecology, [S.L.], v. 218, n. 4, p. 379-389, abr. 2018. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.ajog.2017.08.010.


286 visualizações0 comentário