top of page

Cindura e hipertrofia muscular: Conheça o mecanismo por trás!

Atualizado: 12 de jan. de 2023


Cindura: aliado do ganho de força e massa muscular


Cindura é um ativo obtido da união da Garcinia mangostana e Cinnamomum tamala. Estudos in vitro demonstraram o potencial desses compostos de ativar a maquinaria relacionada à síntese protéica, devido ao efeito de aumento da fosforilação da cascata de sinalização da via mTOR. Para observar a tradução desse efeito em indivíduos humanos, foi realizado um estudo com participantes já treinados, que costumam sofrer uma atenuação das respostas de hipertrofia com o passar do tempo.


Nesse trabalho, os pesquisadores utilizaram 800mg diários da combinação dos ativos que formam o Cindura, por 42 dias. O resultado foi aumento da força muscular e do tamanho dos músculos, com acréscimo na massa magra total, representando uma melhora na composição corporal.


Por que os mecanismos de ação do Cindura refletem na potencialização da hipertrofia?


A sigla mTOR é utilizada para caracterizar “mammalian target of rapamycin”, uma proteína quinase considerada a maior reguladora da síntese proteica muscular já que tem como principal função promover a tradução de mRNAs, ou seja, é fundamental para a síntese de proteínas. Tal ação resulta do aumento que gera no número e na eficiência dos componentes celulares necessários para a síntese proteica, como os ribossomos.


O exercício resistido, promotor de deformação mecânica das fibras musculares, assim como componentes da dieta (tal qual o aminoácido leucina), são capazes de estimular a via mTOR. Como o aumento da estimulação promove maior síntese proteica, consequentemente, gera maior ganho de massa muscular. Dessa forma, o uso de Cindura, capaz de aumentar a fosforilação da cascata de sinalização desta via, se mostra como um recurso adicional bastante eficiente para dar suporte para o processo de hipertrofia.


A sinergia dos extratos presentes apresenta ainda outros efeitos que refletem na maior eficiência do processo de ganho de massa muscular. A ativação da via óxido nítrico sintetase endotelial (eNOS) gera aumento da síntese de óxido nítrico, que tem efeito na vasodilatação. Com vasos mais expandidos, o fluxo sanguíneo aumenta, melhorando a entrega de nutrientes para a produção de energia e síntese proteica.


Ademais, Cindura apresenta atividade anti-inflamatória, analgésica, antioxidante, anti-lipogênica e de aumento da biogênese mitocondrial, aumentando o número das organelas responsáveis pela produção energética celular.


É claro que o estabelecimento das bases dietéticas adequadas deve ser o primeiro passo na busca do aumento da quantidade de músculos e da força dos mesmos. O exercício resistido com progressão constante da intensidade também é fundamental. Mas, nesse contexto já ajustado, a introdução de ativos como o Cindura representa uma estratégia adicional capaz de potencializar os efeitos promovidos pela dieta, aumentando a adesão e satisfação com os resultados.


Referências bibliográficas

Lâmina do fabricante


Konda MR, Alluri KV, Janardhanan PK, Trimurtulu G, Sengupta K. Combined extracts of Garcinia mangostana fruit rind and Cinnamomum tamala leaf supplementation enhances muscle strength and endurance in resistance trained males. J Int Soc Sports Nutr. 2018 Oct 22;15(1):50. doi: 10.1186/s12970-018-0257-4.


Morita M, Gravel SP, Hulea L, Larsson O, Pollak M, St-Pierre J, Topisirovic I. mTOR coordinates protein synthesis, mitochondrial activity and proliferation. Cell Cycle. 2015;14(4):473-80. doi: 10.4161/15384101.2014.991572.


Wang, X., & Proud, C. G. (2006). The mTOR Pathway in the Control of Protein Synthesis. Physiology, 21(5), 362–369. doi:10.1152/physiol.00024.2006

1.137 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page